Natação e Síndrome de Down

Hoje, nosso Blog tem a alegria de trazer a entrevista com a Professora de Educação física especialista em Educação Inclusiva, Hegle de Assis Pereira, Professora da UniFTC, Professora substituta Uneb e professora de natação e hidroginástica para pessoas com necessidades especiais. O nosso assunto é a Natação para Crianças com Síndrome de Down.

Hegles de Assis. Foto (Arquivo Pessoal)

Qual a importância da natação para crianças com deficiência (por exemplo, síndrome de down)?

A natação é um esporte aeróbico que fortalece pulmões e coração. Além do condicionamento físico, também pode trazer resistência muscular, flexibilidade, força, entre outros; isso falando em questões fisiológicas. Nas questões culturais e ambientais, podemos observar a natação como um esporte de inclusão, apesar do ato de nadar propriamente dito seja individual, no entanto, nas turmas as crianças são vistas não por suas deficiências físicas ou de qualquer outra ordem, mas pelo que ela consegue executar no meio líquido. As atividades lúdicas são extremamente importantes, visão o trabalho em grupo, a cooperação, a competição, a musicalização, o desenvolvimento e habilidades motoras gerais e específicas.

A partir de que idade deve ser iniciada?

O quanto antes as atividades forem iniciadas, melhor! O estímulo precoce, sobretudo em crianças com algum tipo de deficiência, será de grande valia. Nas academias brasileiras e de acordo a Sociedade Brasileira de Pediatria, o ideal seria começar as atividades aos 06 meses de idade, isso porque a criança estará imune a uma série de vírus e bactérias, além disso nessa fase ela já vai ter tomado varias vacinas, aumentando sua resistência a lugares insalubres como a piscina, quente, úmido e fechado.

Que respostas pode se esperar de uma criança neste esporte?

A natação trará diversos benefícios para as crianças. A primeira infância é a fase onde a criança mais aprende, quanto mais estimulada, mais ela se desenvolverá, isso porque crianças com Síndrome de Down também tem dificuldades no desenvolvimento motor. A natação trará habilidades motoras que desenvolverá grandes músculos, trabalhando coordenação motora grossa, pequenos músculos, trabalhando coordenação motora fina, além de desenvolver habilidades globais e específicas, agilidade, lateralidade, noção temporo-espacial, entre outros.

Eles podem treinar para competição?

Qualquer pessoa estará apta a participar de competições se houver treinamento. As crianças com SD requerem um pouco mais de atenção, paciência, flexibilidade, mas pelo fato de alguns não terem atrasos cognitivos consideráveis severo, podemos exigir nos treinos, observando volume, intensidade e frequência de treino. Eles podem e devem ser estimulados à participarem de competições. Através das competições as crianças aprendem ganhar, perder, cooperar, superar limites, saber seu potencial, conviver em grupo e sempre se superar!

Entrevista concedida a Júnior Patente

Ainda sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com